Comunicação não verbal na psicologia

duas mãos uma com formato de de rosto com boca e nariz a outra com formato de orelhaA comunicação é o ato de colocar algo em comum, partilhar, compartilhar e transmitir. Acontece num diálogo entre duas pessoas e mais. Desta forma, o interlocutor se manifesta quanto ao que for mencionado ao ter internamente atribuído um significado ao que foi dito pelo locutor.
Levando-se em conta a unicidade de cada pessoa, na comunicação as pessoas podem ter percepções distintas umas das outras. Pois a forma como atribuímos os significados ao comunicar, baseia-se em nossas necessidades, valores, sentimentos, aparência e experiências já vividas.
A comunicação não-verbal é muito estudada pela psicologia e é também um instrumento importante, visto que este tipo de comunicação pode indicar o estado psicológico de uma pessoa, revelando aspectos inconscientes.

Comunicação não verbal exemplosrapaz cochichando no ouvido da moça

A comunicação pode ser empregada para enfatizar algo, assim a expressão tem de ser firme e clara, porém se haver uma verbalização hesitante, através de uma fala em que se observa a diminuição do tom ou gaguejo, denota desta forma, que não há certeza do que está sendo dito ou a pessoa não acredita ou não concorda internamente com a mensagem que está proferindo.
A expressão tem de complementar a comunicação, se há riso quando a pessoa diz algo sério ou triste e ao contrário a pessoa diz que está alegre, mas está com a fisionomia apática, indiferente ou com o sobrecenho fechado, revela então que a pessoa não está sendo genuína a respeito de suas emoções.
Uma pessoa pode estar afirmando algo em sua pronunciação, mas movimenta a cabeça, as mãos ou o corpo em posição negativa, entrando em contradição.
Existem gestos que substituem palavras como mostrar o polegar como sinal de que está tudo bem. O olhar atento ou indiferente durante uma conversa, o olhar fixo que pode significar intimidação ou interesse afetivo.
A comunicação não verbal pode ampliar a comunicação verbal, podendo corresponder discordar, causando diferenciação entre o que a pessoa está dizendo e o que sua expressão está revelando, exemplo, o cruzar dos dedos ao contar mentira.

Comunicação não verbal e verbalmicrofone e cadeiras

A comunicação ocorre na forma verbal e não verbal, que podem ser apresentadas e atuar conjuntamente nas interações, complementando ou contrapondo-se no argumento. A primeira como propriamente revela há verbalização ou discurso, que pode constituir mensagem, idéia e emoção na forma de informação, pergunta ou resposta, podendo ser falada ou escrita. Já a comunicação não verbal não envolve discurso, é muda e observada através de vários canais de comunicação como os gestos, as expressões faciais, o movimento dos olhos, da sobrancelha, o sorriso, através também do toque, do tom da voz e até o silêncio. Estas atitudes precisam ser percebidas por outra pessoa do contrário não se estabeleceu uma comunicação.

A comunicação não verbal tem de complementar, combinar ou ser coerente com a comunicação verbal, pois se há divergência revela que há conflito e possivelmente uma dissimulação.

GD Star Rating
loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>